31 de outubro de 2007

Marcas mais lembradas

O Top Grand Prix do prêmio Folha Top of Mind aconteceu nessa terça-feira em São Paulo. Pelo terceiro ano consecutivo as marcas Omo e Coca-Cola foram anunciadas como as mais lembradas pelo consumidor em 2007.
As agências mais premiadas foram JWT e McCann, com cinco prêmios cada, Borghierh/Lowe, DM9DDB, DPZ, F/Nazca, Publicis e TBWA/BR, quatro cada e África, AlmapBBDO e Lew'Lara, com três prêmios cada.
Foram também anunciadas as marcas mais lembradas em 46 categorias. Ypê, Natura, Ibama e Greenpeace foram vencedoras da nova categoria especial, o Top Meio Ambiente.
A marca que mais se destacou no último ano (Top Performance) ficou com Brastemp e Caixa Econômico Federal. A marca mais lembrada pelas pessoas de maior poder aquisitivo (Top Consumidor A) foi para a Brastemp. A marca mais lembrada pelas mulheres (Top Feminino) foi a Seda e a marca mais lembrada pelos jovens entre 16 a 20 anos (Top Teen) foi a Sorriso.
O prêmio, realizado pelo Datafolha para o jornal Folha de S.Paulo, é resultado de um levantamento anual feito por amostragem com o conjunto da população adulta brasileira, com base em mais de 5 mil entrevistas, divididas em duas amostras com homens e mulheres, com idade igual ou superior a 16 anos, de todos os níveis sociais e escolaridades.
Confira a lista dos vencedores do prêmio Folha Top of Mind 2007:
Adoçante: ZERO CAL Agência: House
Aparelho Celular: NOKIA Agência: Lew,Lara
Aparelho de TV: PHILIPS Agência: África
Aparelho de DVD: PHILIPS Agência: África
Aspirador de Pó: ARNO Agência: Publicis
Azeite: GALLO Agência: TBWA
Banco: BANCO DO BRASIL Agência: Master Publicidade e Artplan
Biscoito: NESTLÉ Agência: Publicis
Biscoito: TRACKINAS (KRAFT) Agência: Giovanni
Poupança: CEF Agência: Fischer, Nova SB e TBWA/BR
Caminhão: MERCEDES BENZ Agência: Matos Grey
Carro: VW Agência: AlmapBBDO
Cartão de crédito: VISA Agência: Leo Burnett
Cerveja: SKOL Agência: F/Nazca
Chocolate: NESTLÉ Agência: JWT
Combustível: PETROBRAS Agência: F/Nazca, Quê Comunicação, Duda e DPZ
Computador e Acessórios: LG Agência:Euro RSCG
Computador e Acessórios: SAMSUNG Agência: JWT e Cheil Comunications do Brasil
Desodorante: REXONA Agência: Borghierh/Lowe
Fogão: DAKO Agência: Neogama
Geladeira: CONSUL Agência: DM9
Impressora: HP Agência: Publicis
Lavadora de Roupa: BRASTEMP Agência: DM9
Leite: PARMALAT Agência: África
Liquidificador: ARNO Agência: Publicis
Loja de Móveis e Eletrodomésticos: CASAS BAHIA Agência: Y&R
Loja de Roupas e Vestuário: C&A Agência: Avanti
Maionese: HELLMANNS Agência: Ogilvy
Margarina: DORIANA Agência: Borghierh/Lowe
Margarina: QUALY (SADIA) Agência: DPZ
Material esportivo: NIKE Agência: F/Nazca
Material esportivo: ADIDAS Agência: TBWA
Operadoras de Celular: TIM Agência: Lew,Lara e McCann
Pasta de dente: COLGATE Agência: Y&R
Plano de saúde: UNIMED Agência: F/Nazca
Pneu: PIRELLI Agência: Leo Burnett
Refrigerante: COCA-COLA Agência: McCann e DPZ
Relógio: ORIENT Agência: Ogilvy
Sabão em pó: OMO Agência: Borghierh/Lowe
Sabonete: LUX Agência: JWT
Seguro: BRADESCO Agência: Neogama
Shampoo: SEDA Agência: JWT
Sorvete: KIBON Agência: McCann
Supermercado: CARREFOUR Agência: AlmapBBDO

Sony de uma nota só

Depois dos comerciais da Bravia (posts anteriores), mais uma doidera da Sony. Agora para lançar seu walkman. O filme batizado de Music Pieces desperta a curiosidade. Peter Raeburn, compositor de trilhas de Hollywood, foi convidado a reescrever uma de suas composições para ser executada por 128 músicos. O detalhe era que cada um dos músicos tocasse apenas uma única nota (nenhum músico toca uma frase musical inteira). Confira o filme.

29 de outubro de 2007

Carne (de)fumada

A agência Start da Alemanha criou a campanha abaixo para o Burger King. Eu achei as peças bonitas e criativas, só não entendo uma coisa: porque uma empresa faria uma sátira, ou, se quiserem, uma referência, de uma campanha de cigarro? Leia também os textos abaixo das peças.

iPod virtual



Pra quem, como eu só consegue trabalhar ouvindo música, essa é muito boa. Foi do caderno de informática do O Globo de ontem (29/10/2007). Um iPod virtual. Você escolhe o gênero que quer ouvir; se "hits" ou "no hits"; pode ouvir a música inteira com qualidade e, mais legal, pode definir seu estado de humor entre calmo, energético, positivo, dark e ele seleciona as músicas mais adequadas. Só isso? Não. Você também pode selecionar músicas por décadas. Dá uma confirida clicando aqui. Testei e aprovei.

Será que a VARIG renasceu assim?



Quem me conhece profissionalmente sabe que eu tenho paixão por logomarcas. De estudar, pesquisar e criar também. Respeito o assunto e já vi muita coisa (boa e ruim), mas logo que a Varig lança uma campanha divulgando sua nova identidade visual, o universo blogueiro me surpreende novamente. Esse é uma brincadeira, cheia de verdade diga-se de passagem, sobre como rolou o desenvolvimento da nova marca Varig. Está claro que é uma gozação, mas a diversão é garantida.


Leia no blog do Mário Amaya.

Direto do túnel do tempo...

Cuidado! Esses vídeos vão despertar seu lado saudosista. São as aberturas de desenhos animados da década de 80 e alguns de 90. Tem vários que eu nem lembrava e outros que eu adorava. Eu era fã: Thundercats, Silverhawks, Mask...No youtube tem vários desenhos dessa época, mas essa coletânea eu achei legal.

Obs: faltou o Piratas do Espaço, alguém lembra?


Música completa música

As vezes algumas idéis dão tanto trabalho que por fim desistimos antes do fim. Outras vezes, quando conseguimos finalizar, o resultado fica tão bom que compensa as horas gastas, as noites acordadas e até as refeições perdidas. Acho que a campanha abaixo da francesa NeufMusic deve ter sido um caso desses. Imagina a quantidade de capas de discos e cds que devem ter sido pesquisadas para montar o quebra-cabeça das peças. Acho que até eu que sou vidrado por capas de cds ficaria desanimado frente ao desafio. Mas o resultado muito me agrada. (obs: vale a pena aumentar para ver a colagem)
Texto: "Make your own mix."
Agência: Agence V. :: Paris
Diretor de Criação: Christian Vince
Diretor de Arte: Romain Guillon :: Redator: Pierre Riess
Diretor de Arte Assistente: Nicolas Martinie
Fotógrafo: Adolfo Fiori

26 de outubro de 2007

Supermarcas

A terceira pesquisa feita pela Superbrands Brasil, revela que as 10 marcas mais poderosas do país são: Rede Globo, Coca-Cola, McDonald’s, Omo, Nestlé, Sony, Nike, Unilever, Ninho e Natura.
Denominada 750 Index Superbrands/Brand Finance, a relação é resultado de pesquisa minuciosa que mede a força da marca, por meio de seis atributos, levando em consideração análise de conselho independente, diretores e gerentes de marketing das principais empresas, bem como consumidores e clientes espalhados pelos principais centros regionais do Brasil.
Superbrands é uma operação internacional presente em 75 países, com mais de dez anos de atuação. O objetivo é promover e difundir as supermarcas nos mercados aonde atuam.

Notícia do Revista PublicidAD.

24 de outubro de 2007

Enoooooorme!!!


Está para entrar para o Guinness como maior painel publicitário do mundo. A peça da Sorouh Real Estate, fica em Dubai - afinal lá eles tudo é grandioso - mede 200 x 100 metros, o equivalente a quase 3 campos de futebol. Fica estendido perto do aeroporto, pois só pode ser visto das janelas dos aviões. O estimado é que 14 milhões de pessoas o vejam no próximo ano.
obs: me pergunto, será que vale a pena, uma vez que a maioria dos passageiros não viaja no assento da janela?

Boca-a-boca

Achei divertidíssima e muito bem sacada esssa solução criativa para divulgar a linha de escovas de dentes.

Agência: Ogilvy & Mather :: Jakarta :: Indonesia
Direção de Criação: Gary Caulfield, Leonardus Bramantya
Diretor de Arte: Erick Sulistio
Redator: Ratna Puspita

Tá no ponto

Em Portugal, a MTV tem uma ong chamada Exit que luta A Ogilvy de Portugal criou um polêmico comercial para a ONG da MTV de lá chamada Exit. A organização luta contra a prostituição de mulheres.

Qual o seu Type?

Sempre ressaltei a importância que as fontes, ou a tipografia, merecem ter e de sua vital importância para qualquer tipo de trabalho, principalmente os criativos. A campanha abaixo, para o Typemuseum mostra um recurso bem interessante e bonito: criar ilustrações usando letras.
Cliente: typemuseum.org
Título: Typefaces you won't recognise
Agência: Abbot Mead Vickers BBDO :: Londres :: Inglaterra

21 de outubro de 2007

Porta-retrato 3D

Inventaram um jeito de colocar um objeto tridimensional em um porta-retrato. Eu quero!

(D)Eficiente

Taí uma campanha simples, supercriativa, visualmente bem resolvida e com um ótimo conceito.
Texto: See the person, not de disability. (Veja a pessoa, não a deficiência.)

Diversão garantida

Que tal relaxar testando seus conhecimentos musicais e cinematográficos?
São joguinhos para ver se você descobre o nome do filme/seriado através da trilha sonora. Todos são viciantes, mas o de cinema é meu predileto. Quer tentar clica.




Ao pó voltarás!

Cada vez que eu acho que já vi de tudo, aparece outro mais doido. Na onda dos vídeos virais que rodam nos computadores de todo mundo, "Will it blend" é uma campanha viral que prova a eficiência e potência dos liquidificadores Blentec. Eles trituram desde lâmpadas, latas de refrigerante até tacos e bolas de golfe. Nesse vídeo, decidiram triturar, nada mais nada menos que um iPod. No site oficial você encontra: os vídeos (tem a tritura de um iPhone); o que você deve ou não testar em casa; envie sua sugestão para ser triturada.

18 de outubro de 2007

É bola na rede!

Depois da goleada da seleção brasileira sobre o Equador (que eu não vi!) escolhi 2 anúncios relacionados com futebol. Dá só uma olhada.

Que os homens estão cada vez mais vaidosos, preocupados com o visual e blá blá blá até vai, mas isso já é demais. Boa sacada da Nivea para sua linha de produtos masculinos.

Agência: Draft FCB :: Alemanha
Diretor de Criação: Bernd Bender-Asbeck
Diretor de Arte: Mark Freiboth :: Redator: Arne König
Fotógrafo: Moritz Nicolaus Schmid

Esse é para um energético.
Agência: DDB International :: Malásia
Diretor de Criação: Elmo Lee
Diretor de Arte/Redator: Wong Kai Ming

Publicidade em quadrinhos

Guardo essas tirinhas de jornal faz muito tempo, chegou a hora delas saírem da gaveta.

Mãos suavemente secas...

Muito legal essa peça de nova mídia do WWF, para mostrar que para salvar o planeta podemos começar economizando papel. Salvar as florestas está diretamente relacionado ao nosso consumo indiscriminado.

Agência: Saatchi & Saatchi, Copenhagen :: Denmark
Diretor de Criação: Simon Wooller
Criação: Cliff Kagawa Holm, Silas Jansson

Pepsi Capuccino

Novidade na linha de produtos Pepsi: Pepsi Capuccino. Uma edição limitada de inverno, que chegará às prateleiras até dezembro, somente no mercado europeu.
O produto estará disponível em lata e em garrafas de 1,5 litros, e terá design inspirado na cor café.
Será que esse troço é gostoso? Quero experimentar.

Nota do CCSP.

17 de outubro de 2007

Limão sem confusão

Mais um objeto da série que facilita o nosso dia-a-dia. Durante a refeição precisa espremer o limão sobre a comida: além de se melar todo, ainda corremos o risco de atingir ou ser atingido por um jato cítrico. "Mas seus problemas acabaram". Veja que útil o instrumento abaixo.

É com você amiguinho

Bem inusitada essa campanha que trata um assunto delicado, a impotência, com bom humor, irreverência e, quem sabe até sutileza.
Criação da DDB Sydney para Impotence Australia.

Notícia do Bicho de Goiaba.

15 de outubro de 2007

Tem redator aí?

Para não dizerem que eu só posto campanhas de apelo visual, segue essa campanha muito inteligente de auto promoção da agência francesa BDDP&Fils. Típica campanha de redator, onde a direção de arte serve apenas de coadjuvante. Títulos criativos, irônicos e inteligentes. Os anúncios terminam com a frase: "There’s nothing bad about advertising as long as it’s good." (Não há nada de ruim com publicidade desde que ela seja boa).

Título: Porque nós vemos tantas propagandas ruins? Por elas serem ruins precisam repetir sempre.

Título: Boa propaganda nem sempre vende mais que propaganda ruim. Mas pelo menos é boa.

Em publicidade o que os detergentes lavam melhor: branco, cores ou mentes?

Tá combinado?

Que tal combinar o chopp com o efeito da malhação? E a qualidade da Apple com o preço do pc? Bem, isso é praticamente impossível, mas já dá para mesclar os rostos de famosos. No MorphThing, você escolhe o rosto de 2 famosos e vê como fica.
Vou logo avisando: a brincadeira vicia! Gastei horas fazendo combinações pouco provavéis...
Agora vê se adivinha quem são esses abaixo:

Clique e arraste o mouse aqui embaixo para ler as respostas:
1- Angelina Jolie e Brad Pitt
2- Johnny Deep e David Beckham
3 - Sarah Jessica Parker e Sandra Bullock
4- Liv Tyler e Lindsay Lohan
5- Brad Pitt e George Clooney

Parabéns Professores!

Hoje é Dia dos Professores. Parabéns a todos que têm essa tarefa primordial. E parabéns para todos aquele que me deram aulas. Sou grato a todos. Os bons por me ensinarem a ser uma pessoa melhor e os não tão bons, por me ensinarem como não dar aula. Coloco hoje parte de textos de Stephen Kanitz, um palestrante e colunista da Veja, que considero um dos caras mais inteligentes da atualidade. Nessa seleção Kanitz fala sobre professores, alunos e ensino.
Preste uma homenagem aos seus professores e leia.

“As aulas a que eu estava acostumado em toda a minha vida de estudante consistiam num bando de alunos ouvindo pacientemente um professor que dominava as nossas atenções pelo resto do dia. Naquele fatídico dia, eu não estava preparado quando todos viraram suas atenções para mim - e, pelo jeito, eu é que teria de dar a aula.
Esse sistema é conhecido por ensino centrado no aluno e não no professor. Tanto é que, minha grande frustração foi ter os melhores professores de administração do mundo, mas que ficavam na maioria das aulas, simplesmente calados.”

Leia na íntegra aqui.

“Ninguém estuda mais pelo amor ao estudo, mas pelas cenouras que colocamos na sua frente. Ou seja, as "notas" de fim de ano. Quando adultos, esses jovens continuarão no mesmo padrão. Só trabalharão pelo salário, não pela profissão.
Se o seu filho não quer estudar, não o force. Simplesmente corte a mesada e o obrigue a trabalhar. Ele logo descobrirá que só sabe ser menino de recados. Depois de dois anos no batente ele terá uma enorme vontade de estudar. Não para obter notas boas, mas para ter uma boa profissão.
Provas não provam nada, o desempenho futuro na vida é que é o teste final. Imaginem um sistema geral de auto-avaliação em que os alunos não mais estudariam para as provas, mas estudariam para ser úteis na vida.”
Leia na íntegra aqui.

Esse outro é do historiador André Caramuru Aubert, li na revista Trip de julho.
“Compare uma sala de cirurgia de séculos atrás com um centro cirúrgico atual. Você verá que as mudanças são gigantescas. Agora, faça a mesma comparação com uma sala de aula, e você perceberá que as mudanças são mínimas. Aqui os anciões lousa e giz ainda reinam. Essa imagem é usada por Seymour Papert na abertura do livro A Máquina das Crianças. A tese dele é que o ambiente educacional – que deveria ser um espaço de vanguarda, ousadia e criatividade – é na verdade um dos mais conservadores que existe.
(...)
Tecnologia é ferramenta. Se o professor for ruim, não vai ajudar muito. Assim como, num centro cirúrgico, os pacientes não serão salvos de médicos incompetentes, por mais tecnologia que exista ali. Mas, se o profissional for bom, a tecnologia pode fazer diferença. Se os professores trabalharem valorizados e felizes, tudo andará melhor. Então a tecnologia poderá ocupar o lugar que merece,ao lado (e não em vez) da lousa, do giz e dos livros.”

Alguém tem um antiácido?

Eu não sou muito chegado a pimenta, mas adoro comida bem temperada. Recentemente decobri as delícias da culinária indiana, e, embora com poucas opções aqui no Rio, virei fã. A campanha abaixo mostra com bom humor e com boas idéias o quente da cozinha indiana.


Cliente: Restaurante Curry on the roof
Agência: Mudra :: Criação: Freddy Birdy e Naved Akthar
País: India

11 de outubro de 2007

Feriadaço

Feriadão chegando, fica uma sugestão inusitada. Como será que se chama? iDrink, iBottle...

obs: tenho muito trabalho pra fazer, saco!!!

9 de outubro de 2007

Eu tambem "Cançei"!

Criação da 141/SoHo Square esse anúncio de oportunidade para a revista Caros Amigos, lembra o equivocado carimbo do Congresso (com ç) Nacional, registrado pelo jornal Folha de S. Paulo, no último dia 03.
O texto diz: “Cançei. Critique o que está errado no Congresso. Descubra o que está certo. Leia Caros Amigos.”.

Título: “Cançei”
Anunciante: Caros Amigos
Criação: Raphael Guedes e Andréía Lipsky
Direção de Criação: Luiz Tastaldi e Fabio Pinheiro
Atendimento: Fabiana Calfat e Rebeca Saravia
Aprovação cliente: Wagner Nabuco

8 de outubro de 2007

Até cansar

Uma idéia simples, porém muito bem produzida.

O texto diz "Use 1000 times".

Client: Baterias Eveready Agência: DY&R :: Mumbai

Concurso de Mídia


Dessa vez o concurso é para quem gosta do departamento de Mídia.
Participe e concorra uma vaga nas agências: Agência 3, Artplan, Binder,FC+G, Contemporânea, DPZ, Giovanni + draftfcb, Mídia 1, NBS, Ogilvy & Mather, Quê Comunicação, Script e W Brasil.
O XI Concurso Universitário é aberto aos estudantes de Comunicação Social que estejam cursando o quinto período ou acima deste. Clique e saiba mais.

7 de outubro de 2007

De orelhada!

Já postei aqui sobre os fantásticos comerciais da Sony. Eis que ela nos brinda com mais uma maravilha.
Intitulado “Play-Doh”, foi produzido em stop-motion (a técnica da massinha), um trabalho que levou 3 semanas, 40 animadores e 2.5 toneladas de massinha. Mais um que entra pra galeria.

Cliente: Sony Bravia :: Agência: Fallon, Londres
Diretor de Criação: Juan Cabral
Diretor: Frank Budgen :: Produtora: Gorgeous Enterprises
Animação: Passion Pictures :: Diretor de Animação: Darren Walsh
Trilha: She's a Rainbow, Rolling Stones

4 de outubro de 2007

P, M ou G


"A moda faz mais vítimas do que você imagina."
Precisa mais?
Agência: Ogilvy and Mather :: Mumbai
Cliente: WWF
Diretor de Arte: Abhijit Karandikar :: Redator: Luala Rebello

A mão livre


A empresa Monochrom’s BrandMaker fez uma pesquisa diferente para medir o poder das marcas. Ela pediu que os pesquisados, todos austríacos, desenhassem, de memória, 12 marcas (9 internacionais e 3 européias). Aqui você dá uma olhada nas obras-primas.

Customizar

O termo customização está na moda. É usado no sentido de adaptar os produtos e processos ao gosto particular. Seguem 2 exemplos interessantes.
É A MINHA CARA
Que tal ter um boneco com o seu próprio rosto? É isso que o site Hero Builders oferece. Pela bagatela de US$ 425 você leva um boneco, de 30 cm, com suas características. Eles levam em consideração óculos, tatuagem e qualquer detalhe que desejar. As cópias são mais baratas, apenas US$ 40. Clique e veja mais exemplos.

BOCA-A-BOCA
O outro exemplo é do chocolate M&M. Através do site você pode personalizar a cor, embalagem e até escrever a sua própria mensgem. Detalhe: se o texto não for em inglês, eles pedem o significado/tradução.