26 de junho de 2015

Huggies | Conhecendo Murilo


Algumas ideias são tão poderosas que valem muito mais do que apenas um prêmio.
Pergunte a uma mãe deficiente visual, por exemplo, quanto ela pagaria para poder saber como são os seus filhos, mesmo sem poder enxergar. Com essa ideia "nas mãos" e muita ousadia na cabeça, a equipe de criação da Mood começou a desenvolver o case "Conhecendo Murilo", que já ganhou um Leão de Prata e outro de Ouro no Lions Health.
O rosto dos bebês foi reproduzido em 3D para homenagear, de uma maneira emocionante e inusitada, algumas futuras mães no Dia das Mães. A campanha gerou mais de 13 milhões visualizações no Youtube e um total de mais de 60 milhões de dólares em mídia espontânea, apenas na primeira semana de veiculação.
"Durante a produção do trabalho a comoção foi geral. No parto do Murilo, todo mundo chorou na gravação da cena. A emoção rolou solta porque as mães eram reais, as histórias eram reais, era tudo muito real. Nós não roteirizamos nada e não colocamos uma palavra na boca das mulheres", explicou André Félix, que capitaneou a ação como Head of Digital da agência.
A equipe garante que o cliente também tem grande parte do mérito. "Se não tivermos clientes e pessoas que acreditem em ideias poderosas as coisas não acontecem. A Mood não tem a conta de Kimberly Klark e nem de Huggies. Somos apaixonados por ideias e vimos que essa, em particular, tinha muita sinergia com Huggies. Batemos na porta da marca na maior cara de pau e ganhamos cinco minutos para apresentar a ideia. Foi o suficiente para emocionar o cliente", lembrou Félix.
A equipe ainda contou que a Huggies já tinha uma campanha pronta para lançar a linha "Primeiros 100 Dias", mas a diretora de marketing da marca pediu para brecar o trabalho e conhecer melhor a campanha. O mais curioso de tudo é que a conta de Huggies tem alinhamento global com a Ogilvy e o cliente estava em processo de escolha da agência digital no Brasil. A vencedora foi a VML, mas a Mood, que nem participava do processo de concorrência, foi contratada para o desenvolvimento da campanha. "O cliente comprou uma briga internacionalmente por nossa ideia", ressaltou Félix.
Além de todo o apelo emocional, o que chama a atenção nesta campanha é o cuidado com os detalhes. Quer um exemplo? Na peça entregue às mães, com a réplica do rostinho dos seus filhos, abaixo da mensagem da campanha está o nome da marca: "Huggies". Ninguém sabe disso, apenas as mães que "leem" o ultrassom para conhecer os seus filhos. O motivo? A campanha, segundo a equipe de criação, foi feita para elas.
A campanha inclui vídeos de outras mães com deficiência visual que puderam sentir e abraçar seus filhos.

Agência: Mood
VP de criação: Valdir Bianchi
Head of digital: André Felix
Diretores de criação: Bruno Brasileiro, Felipe Munhoz e Rafael Gonzaga
Criação: André Felix, Bruno Brasileiro, Felipe Munhoz, Rafael Gonzaga e Ricardo "Brad" Correia
Artebuyer: Rita Teofilo e Thiago Campos
Gerente de projeto: Rafael Coelho
Atendimento: Fabio Meneghati e Andrei Sanches
Mídia digital: Mariana Costa e Sabrina Titto
Planejamento: Daniel Rios e Rafael Martins
Produção 3D: the goodfellas
Produção gráfica: Julio Coralli e Dayane Souza
Finalização: Byanca Melo
Fotógrafo: Lucas Tintori, Rodrigo Westphal Galego e Fábio Kenji
Trilha: Lua Nova - Maestro Fred benuce
Produtora: La casa de la madre
Diretor de cena: Jorge Brivilati
Roteiro: André Castilho
Aprovação: Lizandra Bertoncini, Maria Eugênia Duca, Priya Patel e Simone Simões

via: adnews

Nenhum comentário: